Resenha: Veneno (★★★★★) - Saga Encantadas livro 1



Olá leitores, tudo bem?? Ando mega sumida, eu sei. Mas os vestibulares finalmente começaram! Agora mais um mês e eu volto 100% pro blog!
Apesar de tudo, hoje tem resenha de um dos livros mais incríveis e surpreendentes que eu li nesse ano.

Vamos lá!



Título: Veneno - Saga Encantadas livro 1

Autora: Sarah Pinborough

Editora: Única

Páginas: 224

Classificação: (★★★★)


 Admito que demorei umas 30 páginas pra me entregar para "Veneno", mas depois desse início não tive mais vontade de largar o livro. Sou apaixonada por Once Upon a Time, contos de fadas e essas coisas. Então só tenho que dar os méritos para Sarah Pinborough pela maneira como costurou as histórias e chegou no produto final.


(no final do livro tem o primeiro capitulo do próximo)

A história realmente começa quando o rei precisa se ausentar para participar de uma luta, deixando a sua filha, amada por todos do reino, a cuidados de sua segunda esposa (madrasta da menina). A madrasta de uma beleza perfeita, loira, sexy e obrigada a casar-se, obrigada a desistir do "amor verdadeiro", procura ensinar algumas lições para o povo mostrando quem manda por ali. Resolve colocar "Branca de Neve" dentro dos eixos ensinando-a a se portar como uma princesa, já que ela faz mais o tipo que não usa corpetes, prefere uma calça de montaria e um cavalo selvagem pra domar por aí ao invés de buscar um príncipe para casar-se.


Os homens faziam muitas coisas pela beleza. Foi isso que Lilith aprendeu na ocasião. A beleza tinha uma magia toda própria.

Branca de neve parece ser uma menina ingênua e inocente no início do livro, mas assim que a história começa a se desenrolar vemos que ela não tem nada de ingênua e muito menos inocente. Desenvolve uma personalidade forte, determinada e amadurecida.





 Além da morte, a única coisa que dura para sempre é o amor verdadeiro.

Percebemos uma rixa entre a madrasta e a enteada desde o início. Branca não compreende o motivo por ser tão odiada e resolve, depois de algumas tentativas, manter distância, insinuando que o motivo do ódio seria o ciúmes do quanto o pai a ama. Lilith, a madrasta, logo revela que não casou-se por amor, nos mostrando alguns dos motivos por ser daquele jeito. Compreendemos que muitas das atitudes são reflexos do que ela não pôde ter, fazendo assim com que a madrasta tire essas oportunidades dos outros (em especial Branca).



Após algumas confusões entre as duas, um caçador é pego matando um veado branco, animal portador de magia. Crime condenado pela rainha que pede o coração de Branca de Neve, poupando vida do caçador. Ele parte para a floresta e quando encontra Branca fica hipnotizado pelos seus cabelos negros, sua curvas perfeitas e sua beleza interior tão diferente da rainha. Uma mistura de inocência e perfeição conquista-o, fazendo então, ele levar o coração de um outro animal ao invés do da Branca. 


A bisavó de Lilith aparece, sendo que as suas habilidades com magia são muito mais avançadas que as da bisneta. (E adivinhem só quem é a bisavó? Vamos as dicas... Mora em uma casa de doces e conhece gosto do coração de pessoas! Simmmmm, é a bruxa de João e Maria). Justamente pelos seus hábitos canibalísticos, ela reconhece o coração e afirma não ser de humano. Assim começa uma verdadeira aventura de magia, fugas, tramas e amadurecimento de personagens.



O que eu mais gostei no livro foi a forma que a autora relacionou todas as histórias (sempre fico encantando com essa habilidade de misturar diversos contos de fadas, como em OUAT), a história não é NADA previsível. Aliás esse foi um dos principais motivos que eu amei tanto no livro, cheio de surpresas e reviravoltas. Os mesmos personagens te conquistam e de uma hora pra outra, mostram o outro lado na página seguinte.

A diagramação é linda, o capricho da hora da edição fica evidente no trabalho com as páginas e com a capa. Um livro de contos de fadas, mas nada infantil. Narrado em terceira pessoa e eu recomendo para todos que gostarem desse estilo ou pra quem quiser experimentar algo novo... E se você gosta de Once Upon a Time, esse livro foi feito pra você!




Depois a deixaram sozinha com seus pensamentos... Havia montes de mulheres nas histórias que andara lendo e ele aprendera que às vezes elas só precisavam ser deixadas em paz para pensar.

Quando acordou, não era mais o mesmo. Há certas coisas na vida que mudam você. Aquela era uma verdade tão certa quando nascer e morrer.

A culpa podia levar uma pessoa à loucura, ele tinha certeza disso.





Sinopse:


Sexy, sarcástico e de prender a respiração!
Para os fãs de Once Upon a Time e Grimm, Veneno é a prova de que contos de fadas são para adultos!
Não existe “Felizes para sempre”!
Você já pensou que uma rainha má tem seus motivos para agir como tal? E que princesas podem ser extremamente mimadas? E que príncipes não são encantados e reinos distantes também têm problemas reais? Então este livro é para você! Em Veneno, a autora Sarah Pinborough reconta a história de Branca de Neve de maneira sarcástica, madura e sem rodeios. Todos os personagens que nos cativaram por anos estão lá, mas seriam eles tão tolos quanto aparentam? Acompanhe a história de Branca de Neve e seu embate com a Rainha, sua madrasta. Você vai entender por que nem todos são só bons ou maus e que talvez o que seria “um final feliz” pode se tornar o pior dos pesadelos!
Veneno é o primeiro livro da trilogia Encantadas, e já é um best-seller inglês. Sarah Pinborough coloca os contos de fadas de ponta-cabeça e narra histórias surpreendentes que a Disney jamais ousaria contar. Com um realismo cínico e cenas fortes, o leitor será levado a questionar, finalmente, quem são os mocinhos e quem são os vilões dos livros de fantasia!



E aí pessoal, vocês já conheciam esse livro? Conhecem algum outro do gênero que contenha contos de fadas também? Me indiquem! Eu sou apaixonada por livros desse gênero ♥️
XOXO

Um comentário:

  1. Oi linda, esse livro parece ótimo! Quero ler também!

    Beijos ;*

    ResponderExcluir