Resenha: Teus Casos Meus (★★★★★)


Olá leitores, tudo bem?!


Hoje eu trago uma resenha muito especial de uma autora parceira aqui do blog! 
Se você desejar saber mais sobre ela, é só clicar AQUI. Tem uma entrevista bem rápidinha, onde ela fala um pouquinho das dificuldades que ela encontrou no processo de auto publicação do livro dela.

(Um comentário rápido, o cuidado que ela teve com o livro foi maravilhoso! Ele chegou embalado em um plástico - além do papel normal -, assim ficou livre dos arranhões que, infelizmente, podem acontecer no correio)



Título: Teus Casos Meus

Autora: Aline Sopelsa

Páginas: 159

Classificação: (★★★★)


Quem aqui não gosta de ler um texto rápido que traduza exatamente aquilo que você está sentindo, ou que alguma vez já sentiu? 
Teus Casos Meus é o livro certo pra isso!


O livro traz uma coletânea de cônicas, alguns contos e até poesias. Todos abordam alguma "fase" do amor, desde o primeiro olhar, até depois da última lágrima! A autora expõe seus sentimentos procurando se compreender, e revela coisas que provavelmente nunca chegaram para o real destinatário.

Somos iguais e únicos, e jamais deixaremos essa grandeza para trás.

São crônicas leves, rápidas e apaixonadas. Trazem emoções que eu e você - é, você mesmo, leitor(a), que está lendo isso - provavelmente já sentimos no decorrer da nossa vida.


Aprendi amar querendo desaprender.

Esse é o tipo de livro que desperta o nosso lado "escritor(a)", e te dá vontade de sair soltando versos por aí. Li a maior parte no ônibus, e assim que descia, saía andando mais leve, com um ar de apaixonada e com mil ideias na cabeça!

Deixe-me dizer que sinto falta do seu sorriso e que o meu não existe sem o seu.


A linguagem é de fácil compreensão e algumas crônicas não chegam a ter nem uma página completa. Então o livro voa! É recheado de figuras de linguagem: metáforas, metonímias, antíteses e personificações. 

Quero de volta nossas mensagens desesperadas, nossa concordância e discordância.

Teus Casos Meus, é sem dúvida um livro que todas(os) nós iremos nos identificar! A diagramação ficou impecável. Percebemos um cuidado com os detalhes nas páginas e na capa. A letra está perfeita, um pouquinho maior que o comum, outro ponto positivo!

Somos feitos de lembranças e pequenos momentos (...) somos feitos de indecisões, planos e sonhos. Transbordamos poesia e luxo.

Foi pensando no lado "escritor(a)" de muitos(as) leitores(as), que eu fiz uma pergunta pra autora. Afinal, aposto que muitos(as) de vocês escrevem, e que a maioria teria ao menos um pouquinho de receio na hora de "dividir com o mundo" esses sentimentos - muitas vezes tão íntimos.

Muitos dos seus textos tem um destinatário real. Em algum momento isso foi uma "barreira" pra publicação? Como você se sente em saber que talvez alguma dessas pessoas leia o seu livro e perceba que era pra ela? Qual é a sensação de expor os seus sentimentos e saber que eles também são os de muitas pessoas?

Na verdade o livro não é 100% sobre mim ou meus casos. É por volta de 10%. O título remete à ideia de que seus casos, suas histórias, se tornaram minhas porque eu as contei. A proposta é exatamente essa: o leitor lendo e tendo a sensação que aquele é um relato da sua vida. Os dez por cento reais sobre mim e meus sentimentos, estão "claros" nos textos, mas foram, em boa parte, ocultos dos destinatários. Me sinto então, íntima dos leitores. Que conhecem, quase sem querer, parte da minha história.


Mais que recomendo, e pra qualquer idade! É sempre bom (re)viver esses momentos.

Para Adquirir o Livro:

Contato da autora:
e-mail: contato@alinesopelsa.com.br 


 Quem aí também ama crônicas??
XOXO


4 comentários:

  1. Exelente livro e a gente acaba se identificando com o que a autora escreveu,em alguma circunstância ou em algum momento tivemos sentimentos ou inseguranças, enfim um livro mto agradavel, escrito com enorme sensibilidade e de um vocabulário atual mérito a autora.

    ResponderExcluir
  2. Exelente livro e a gente acaba se identificando com o que a autora escreveu,em alguma circunstância ou em algum momento tivemos sentimentos ou inseguranças, enfim um livro mto agradavel, escrito com enorme sensibilidade e de um vocabulário atual mérito a autora.

    ResponderExcluir
  3. Adorei a resenha e o livro me pareceu bem interessante. Preciso colocar a leitura em dia e já anotei esse.

    Beijos e uma boa semana,
    DMulheres
    @dmulheres

    ResponderExcluir
  4. Parece ótimo o livro linda, muito interessante a resenha. Amei a capa.
    Sucesso <3

    www.falamoda.com.br

    ResponderExcluir